Aproveite a praia mas respeite o mar

O verão chegou e talvez este seja um dos mais quentes dos últimos anos. Nem todos se contentam em frequentar a piscina, preferindo ir à  praia para se refrescar. Nada como um banho de mar!

Já é grande a quantidade de salvamentos nas praias cariocas. O mar, mesmo com águas tranquilas, é um território desconhecido para o banhista e sempre leva vantagem. Não vale a pena enfrentá-lo.

A maioria dos banhistas fica nas águas rasas, antes da arrebentação, mas mesmo na beiradinha há riscos. Aquela piscininha, com água mais profunda, pode ser uma boca, ou vala, nome para designar as correntes de retorno. Se cair nela e conseguir tocar o fundo, saia andando para um dos lados. Se perder o pé, não tente nadar de volta à praia. A sensação de se sentir arrastado para alto mar é amedrontadora, mas nesta hora é preciso manter a calma: nade para um dos lados. Não conseguindo, poupe energias. Sinalize para o guarda-vidas pedindo socorro e fique calmo, aguardando. Ele saberá o que fazer e logo você estará em terra firme.

Corrente de retorno
Uma dica: Se estiver perto de algum surfista, peça ajuda.