Iluminar com economia

Economizar é o objetivo de todos, pessoas e empresas, que não se conformam com o desperdício. Lâmpadas e aparelhos elétricos que consomem muita energia são substituídos por outros, mais econômicos, que fazem o mesmo serviço, e muitas vezes até melhor, gastando bem menos.

A substituição das lâmpadas é o primeiro passo.

As lâmpadas incandescentes, as mais antigas, consomem muita energia. São lâmpadas de baixa eficiência, ou seja, gastam muita energia para produzir muito calor e pouca luz. Apenas 5% da energia elétrica consumida é transformada em luz. O restante é transformado em calor. Estão sendo substituídas pelas lâmpadas fluorescentes.

As lâmpadas fluorescentes são as mais indicadas para uso comercial e residencial. Gastam pouca energia e geram mais luz do que calor. Existem lâmpadas fluorescentes de diversas cores, além da branca azulada, a mais comum, e da amarelada, que simula a lâmpada incandescente a que já nos acostumamos.

Além dessas, as lâmpadas LED´s – Lighting Emitted Diodes são as mais modernas.

“Consideradas as lâmpadas mais modernas – produto de última tecnologia. Convertem energia elétrica diretamente em energia luminosa, através de pequenos chips. É um produto ecologicamente correto, pois seu consumo de energia é muito baixo e apresenta uma vida extremamente longa; utilizam baixa tensão de rede (10v ou 24v), logo necessitam de transformadores para converterem a energia. Devido a alta eficiência e ao baixo consumo estão substituindo as lâmpadas fluorescentes no uso residencial.” (Clique Arquitetura)

Há muitos outros tipos de lâmpadas, menos usadas, como as halógenas, que também são incandescentes mas possuem halogêneo, lâmpadas de descarga, lâmpadas de neon e lâmpadas de fibra ótica.

E você, já está usando lâmpadas mais econômicas?

Nosso condomínio já substituiu as lâmpadas incandescentes pelas fluorescentes. É o primeiro passo até a substituição completa por lâmpadas de LED’s. Nos corredores, assim como nas lixeiras e escadas, há sensores de presença que ativam a iluminação somente quando necessário, na presença de pessoas e por determinado período de tempo.